Sombras da Meia-Noite – Lara Adrian

Olá Estrelas!!!

A resenha de hoje é de uma das minhas escritoras preferidas desta vez, Lara Adrian. Amo a série Midnight Breed e a cada livro Lara esta melhor. A Universo dos Livros esta de parabéns por estar trazendo a série para tantos admiradores da autora e da série.

Vamos lá?

Sinopse:

Na vastidão congelante das trevas, os limites entre o bem e o mal, entre o amante e o inimigo, nunca são definitivos, como preto no branco, mas desenhados em nuances da meia-noite. Algo cruel está à espreita na floresta gélida do Alasca, deixando uma carnificina inominável em seu rastro. Para a piloto do interior Alexandra Maguire, os homicídios despertam sensações que ela não consegue compreender completamente… Até um desconhecido misterioso e sedutor entrar em seu mundo. Enviado de Boston numa missão para investigar os ataques violentos, o guerreiro vampiro Kade tem seus motivos para regressar à terra natal. Atormentado por um segredo vergonhoso, Kade logo percebe a verdade assombrosa da ameaça que enfrenta uma ameaça que pode colocar em risco o frágil vínculo formado com a jovem determinada e corajosa, que desperta suas paixões mais profundas e seus desejos mais primitivos. Contudo, ao trazer Alex para o seu mundo de sangue e escuridão, Kade deve confrontar tanto seus demônios pessoais quanto o mal maior que pode destruir tudo o que ele mais ama.

Resenha:

Kade é um dos mais recentes membros da Ordem. Ele foi apresentado alguns livros atrás, como um novo recruta da Ordem, juntamente com Brock. Na época, eu achei que era um esforço bastante óbvio e desajeitado para trazer mais diversidade racial para a formação já existente. Eu ainda me sinto um pouco assim. Não que eu me oponha ao resultado final pois ficou fantástico mas quando eles chegaram foi assim que me senti e determinei que não iria me comover com qualquer um deles. Parecia que eles não vieram originalmente para ficar na história e muito menos fazer parte do todo.

Eu não achei que eu iria me importar nem um pouco com o destino de Kade em seu próprio livro. No entanto, essa é a forma de Lara sempre tomar o casal principal dos outros livros já escritos, para que possamos conhecê-los individualmente, bem como a química exixtente. Em seguida o casal é apresentado e a química é explorada. Acho que este é um excelente modo de agir pois sempre dá certo. Conhecendo Kade desta forma, eu me encontrei muito rapida e profundamente apaixonada por ele. E eu gostei um pouco de Alex também.

Ainda lamentando a morte do pai e se sentindo completamente sozinha, ela é empurrada em uma situação que não só a faz lembrar de seu amado pai, mas corre o risco de expor os segredos que ela está mantendo por mais de uma década. Kade também tem seus próprios segredos e problemas com os quais lidar. Nascido e criado no Alaska, ele e seu irmão gêmeo herdaram os talentos da mãe que podem, potencialmente, se traduzirem em uma maldição, ele também se sente colocado em segundo plano pela sua família. Isso traz uma história assustadora sobre a qual eu não vou contar nada para não soltar spoilers.  
A história de amor realmente funcionou para mim e foi extremamente linda também. A história de Brock é a próxima e parece que um pouco de sua história já foi criada neste livro. Se for realmente isso, eu vejo grandes complicações no caminho para o nosso amigo gigante pois se sua companheira for a que estou imaginando a história vai dar muito pano pra manga. Lara Adrian é maravilhosa e me encantou com sua forma de escrever, ainda mais que o mundo criado nesta série envolve de tudo e caminha para uma reviravolta fenomenal. 

Valery

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *