[RESENHA] Abused Werewolf – Grupo de resgate ao lobsomem – Catherine Jinks

Olá Estrelas!!!

Abused werewolf é o segundo livro de Catherine Jinks que é basicamente uma continuação de 
Reformed Vampire – Grupo de Apoio ao Vampiro

Não é porque é um lobisomem que você não vai viver a sua vida do jeito que quiser.

Sinopse:

Quando Toby Vandevelde acorda em um hospital sem nenhuma lembrança da noite anterior, sua mãe, desesperada, conta que ele foi encontrado desacordado na jaula de um lobo. Toby primeiro acredita que seus dois melhores amigos estão de alguma forma envolvidos nisso, até descobrir que eles estão tão assustados quanto ele. 


Com o aparecimento do misterioso Reuben, a rmando que ele sofre de uma rara e perigosa “condição”, tudo fica ainda mais confuso. A partir daí, Toby se vê envolvido com estranhas pessoas que tentam persuadi-lo a aceitar ajuda. 


Nada parece convencê-lo até que ele é sequestrado e mantido em um calabouço sem janelas. Ai então Toby vai começar a entender o que signi ca ser uma criatura sobrenatural… Tendo transformado os vampiros em guras frágeis e pouco glamorosas em Reformed Vampire, Catherine Jinks retoma essa história explorando agora o universo dos lobisomens. Nina, Reuben e o padre Ramon estão de volta e terão agora que ajudar a resgatar Toby dos inescrupulosos tra cantes de lobisomens. Será que eles vão conseguir?

Resenha:
O livro começa com Toby acordando no hospital logo após ser encontrado nu e sozinho dentro da jaula dos lobos no parque natural local  sem se lembrar do que aconteceu. Os médicos estão falando que ele pode sofrer de epilepsia quando uma nota misteriosa aparece em seu travesseiro o que pode ser uma explicação. 
Depois de deixar o hospital, Toby recebe dois visitantes, padre Ramon e Reuben, que afirmam saber o que Toby realmente é. O que causa em Toby a descrença e o faz questionar como tudo isso aconteceu.
Enquanto Toby tem acha difícil acreditar que ele é  um lobisomem padre Ramon e Reuben afirmam que ele realmente é e que existem  aqueles que gostariam  de forçar Toby  a ser um  lobisomem lutador. 
Embora Reuben tente protegê-lo de todas as formas, Toby é sequestrado por dois policiais falsos e levado para o interior do pais. 
A partir daqui o livro se torna bem divertidoe com bastante ação e eu gostei muito mais do que o anterior por conter muito mais por conta disso fora que os lobisomens são seres apagados como os vampiros do livro anterior, eles ao contrario são bem agressivos e gritam bastante uns com os outros, o que poderia ser uma característica negativa para o livro, mais não foi.  Os personagens secundários também são bem construídos e  participativos de forma que ganham muita atenção também.
O grupo de resgate é bem inusitado e traz de volta personagens do livro anterior assim como novos, Nina aparece aqui e eu achei ela um tanto quanto diferente do livro anterior, acho que por eu gostar muito de lobisomens eu curti mais esse livro que o anterior. Ele pode ser lido sem o leitor ter lido o anterior porém aqui aparecem personagens que são apresentados e que são protagonistas do livro anterior então é aconselhável conhece-los antes.

Valery

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *