[RESENHA] Paixão libertadora – Sophie Jackson

Olá Estrelas!!!

Eu amei o primeiro livro da série e não via a hora de ler a continuação pra saber o que iria acontecer com Max e a espera valeu a pena, só achei que o primeiro continua sendo o melhor. Mas gente que capa linda né?

Vamos conferir?

Sinopse:

Max O’Hare já passou por muitos momentos difíceis na vida. Depois de perder um grande amor e ter que se internar numa clínica para se livrar das drogas, ele decide que é hora de trocar Nova York por uma cidade do interior, na tentativa de se reerguer ao lado da família.

É lá que ele conhece a deslumbrante Grace Brooks. Amante da arte e da fotografia, ela parece a mulher perfeita. Mas o que Max não sabe é que ela guarda a sete chaves a verdade sobre o próprio passado.

Atraídos um pelo outro, mas com medo das consequências que um relacionamento sério pode trazer a suas vidas já complicadas, eles fazem um pacto para que a relação seja apenas sexual, sem sentimentos envolvidos. Até que as coisas começam a mudar entre os dois…

Presos a grandes medos e a segredos profundos, Max e Grace precisam aprender a confiar de novo e se entregar um ao outro não apenas de corpo, mas também de alma.

Resenha:


É difícil encontrar as palavras certas para dizer o que sentimos ao ler um livro que gostamos.  Um livro onde a dor está sempre presente, mais viva e aguda do que nunca, tão viva para tirar Max e Grace, que fizeram escolhas erradas, que fazem tudo para negar a felicidade e acreditam verdadeiramente que não a merecem.

O livro começa exatamente onde parou o anterior e vamos acompanhar o desenvolvimento de Max dai por diante. Adorei ver como ficou a amizade dele com Carter e de ter um pouco mais do casal do livro anterior aqui também.

Max perdeu tudo: a mulher que amava, seu primeiro amor verdadeiro, aquela que ele acreditava  que seria para sempre, perdeu seu filho antes mesmo de nascer. E não existe dor maior no mundo. Sua vida dai pra frente é regrada por álcool, cocaína e pecados. Vai ser difícil se reerguer, voltar a ser um homem normal, silenciar a essas necessidades tão convenientes que as pessoas chamam de um tiro para caminhar em um túnel escuro e de esquecimento tão bem vindo. Há dias em que ele não apenas sente que não vai sobreviver e vai sucumbir a falta de ar. Ele acha que já não há nenhum motivo para viver. Até que seu amigo Carter deu um basta e o levou pra reabilitação.

Grace se casou com um homem que, depois de conquista-la com seduções e carícias, passou a humilhar, desprezar e violar, tirando tudo dela apenas pelo fato de ser mulher. Desde então, ela passou a suspeitar de tudo, se assustar pelo minimo, e já não quer ter nada haver com os homens. Sua jornada passa a ser cheia de obstáculos e provações até conhecer Max.  Então viverá um relacionamento que nasceu de uma amizade especial, da dificuldade que encontrou nele em também admitir ter sentimentos por outro alguém, pois também estava quebrado em sua alma. Ela teve essa dificuldade por achar que nunca confiaria em um homem novamente e encontrou nele não somente o amigo mas algo mais.

Eles irão se esconder atrás da desculpa de que é apenas sexo, uma atração, até que isso não será mais suficiente para nenhum dos dois e eles terão que buscar dentro de si mesmo a luz para seguir em frente juntos. Superar os obstáculos erguidos no passado para encontrar a felicidade tão merecida é o que eles terão que fazer, juntos é claro.

Sophie Jackson conseguiu mais uma vez me emocionar ao contar uma história dura com uma iguaria única que nos leva a beira do desespero juntamente com o personagem. A dor é vibrante, fluindo sobre a pele e quando chega o amor, no final, é um balsamo sobre o coração e a alma. Essa é outra história inesquecível, assim como Desejo proibido. Carter e Kat ainda estão em primeiro plano no meu coração, mas agora há também um lugar para Max e Graça que provaram mais uma vez que o amor cura tudo.

Amei e super recomendo, se não leu Desejo proibido leia antes de pegar este pra conferir onde tudo começou.

Valery

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *