[BRILHO NEWS] A avaliação de desempenho no amor

Olá Estrelas!!!

“Ao ingressarmos numa empresa, pressupomos que haverá uma troca: o trabalho por um salário (em dinheiro), uma gratificação, um prêmio, um incentivo, uma recompensa ou mesmo uma posição de destaque ou até de autoridade e poder. Essa troca é pré-estabelecida e, via de regra, aceita previamente (de preferência a contento) entre as partes envolvidas. Isto é fato, inclusive, em trabalhos beneficentes (não remunerados em forma de dinheiro) mas que trarão, àqueles que efetivamente desenvolverão o trabalho em questão, outros tipos de vantagens pessoais (prazer em ajudar outros, preencher o seu tempo vago, etc).

Nesta troca, é necessário encontrar um equilíbrio que agrade tanto o recrutador como o recrutado e, para tanto, deve ser revista periodicamente a fim de evitar futuros descontentamentos inoportunos. Em nossos relacionamentos afetivos, essa troca se faz presente quando recebemos do parceiro itens ou comportamentos de acordo com as expectativas (como companheirismo, compreensão, carinho, etc) e que este último, por sua vez, esteja satisfeito com aquilo que vem a receber em troca. Ou seja, como numa empresa, a troca tem que agradar as duas partes”.

Em “Operação Cupido”, David Leslie faz um paralelo entre certos fluxos operacionais e linhas comportamentais típicas do cotidiano na busca de um parceiro amoroso.

A avaliação de desempenho no amor

Em livro, o empresário e escritor David Leslie traz reflexões e faz paralelos entre o sistema seletivo de uma empresa e a busca por um parceiro (a) ideal

O mundo está em constante e frenético compasso de procura: escolas que buscam professores, alunos que procuram instituições de ensino, livrarias atrás de apaixonados por leitura, empresas em busca de funcionários e pessoas diversas à procura da alma gêmea, parceiro provisório, par perfeito ou da pessoa certa.

Em Operação Cupido, obra publicada pela editora CBE, David Leslie faz um paralelo entre certos fluxos operacionais, característicos nas organizações contemporâneas, e linhas comportamentais típicas do cotidiano.

“Foi assim que num determinado momento, não sei exatamente quando, tive um curioso insight de que todo o processo de busca à pessoa ideal (para ocupar aquela vaga em nossa área afetiva) se assemelhava, cada vez mais, com aquele de uma empresa à procura de um candidato adequado para preencher uma determinada função em sua organização”

No livro, David Leslie revela que existe um cupido dentro de cada um de nós. Ocupado em tempo integral, este cupido tem total consciência do seu importante papel e de todas as responsabilidades que ele impõe a si mesmo. É ele também quem se preocupa em assessorar as pessoas em todas as fases que existem no complexo e intenso processo de busca àquele parceiro, idealizado por nós (para aquele momento específico) com o objetivo de tentar preencher a vaga existente na área afetiva.

Com uma redação nada sofisticada e uma linguagem bem ao dia a dia, o texto leva os leitores a um alegre passeio através de situações e considerações repletas de fantasias, vez ou outra bem próximas ou bem distantes de qualquer realidade afetiva.

Ficha técnica:
Operação Cupido
Editora CBE
ISBN:
 978-85-62392-17-7
Páginas:196
Formato: 14 x 21
Preço: R$ 36,00
Sobre o autor: David Leslie parece emergir, assim de repente, como quem esbarra na gente numa esquina movimentada de um conto de ficção sem pé nem cabeça. Natural de Alexandria, no Egito, vive no Brasil desde os seus quatorze anos e traz, em sua bagagem, uma invejável experiência de vida que vai desde atividades dedicadas aos segmentos de transporte, turismo e hotelaria como, também à consultoria nas áreas de desenvolvimento organizacional e à promoção de eventos para o encontro de pessoas á procura do seu par ideal. Operação Cupido nasce de suas incessantes observações sobre os processos de relacionamentos afetivos.

Valery

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *